Publicado em: 06/03/2017 15h53 - Atualizado em 06/03/2017 19h26

Situação de emergência

O ano de 2017 acaba de entrar em sua décima semana. Foram apenas 65 dias deste novo ano e o número de tragédias já assusta Indaiatuba. Nesse pouco período de tempo, dez mortes foram registradas por acidentes de trânsito. Dez vidas perdidas. Dez famílias mutiladas por conta do trânsito.
O número é histórico. Nunca se teve tanto acidente fatal em um curto espaço de tempo como aconteceu neste início de 2017. Aliás, em todo ano de 2016, foram "apenas" 18 mortes - uma média de 1,5 por mês, enquanto neste ano já são 4,7 ao mês, contando a primeira semana de março. Em 2015, o número foi maior: 24 mortes em todo o ano, mas com média menor também: duas ao mês.
Afinal, o que está acontecendo para esses dois primeiros meses ficarem marcados por mortes? A maioria dos acidentes aconteceu em vias sinalizadas, com placas, faixas nas ruas, semáforos; algumas outras foram na rodovia, que não deixa nada a desejar nesse quesito. É possível, então, culpar ou questionar os órgãos responsáveis? Nesses casos, não.
Os registros foram quase na totalidade frutos de imprudência ou fatalidade - mais da primeira opção. A irresponsabilidade dos motoristas e motociclistas está muito grande, parece mesmo que ninguém "está nem aí" para o outro - e nem para si próprio. Não respeitam velocidade, placas, nem semáforos. Todos querem mesmo é tirar vantagem, o que, em algumas vezes, acaba em tragédia.
As campanhas estão aí, as autoridades tentam conscientizar de que é preciso mais prudência no trânsito, mas parece não adiantar. Mais que isso, é necessário aumentar a fiscalização, as multas e punições a quem abusa. Somente dessa forma é que, talvez, o motorista brasileiro aprenda a dar valor à vida.

Veja Também:

Mais lidas
Filmes em cartaz
  • LOGAN
  • MOONLIGHT: SOB A LUZ DO LUAR
  • A GRANDE MURALHA
  • INTERNET - O FILME
  • MONSTER TRUCKS
  • ALIADOS
  • JOHN WICK: UM NOVO DIA PARA MATAR
  • CINQUENTA TONS MAIS ESCUROS
  • LEGO BATMAN: O FILME
  • LA LA LAND - CANTANDO ESTAÇÕES