Publicado em: 06/10/2017 11h08 - Atualizado em 06/10/2017 17h19

O Diário de Anne Frank chega às histórias em quadrinhos

Fábio Alexandre
Divulgação Capa da HQ adaptada por Ari Folman e David Polonsky
Uma das principais obras do século 20, O Diário de Anne Frank até hoje emociona leitores no mundo inteiro e não sai das listas de livros mais vendidos no Brasil. Agora, 70 anos após sua primeira publicação, o diário chega pela primeira vez às livrarias em formato de quadrinhos pela editora Record.
O texto foi adaptado pelo roteirista e cineasta Ari Folman e pelo ilustrador David Polonsky, responsáveis por Valsa com Bashir, HQ que deu origem ao filme de animação indicado ao Oscar. O Diário de Anne Frank em Quadrinhos será lançado em cerca de 50 países.
No diário - que ela trata como uma amiga e chama carinhosamente de Kitty -, Anne narra o cotidiano de sua família, que tenta se esconder do regime nazista em meio à Segunda Guerra Mundial; faz observações que vão do engraçado ao profundo sobre o mundo ao seu redor; e reproduz os conflitos clássicos de uma adolescente, com direito à primeira paixão e às brigas com a irmã, por exemplo.
A transformação para o formato em quadrinhos não foi fácil e, em nota no fim da edição, os autores comentam algumas de suas escolhas, como a decisão de reproduzir páginas inteiras e inalteradas de texto quando julgassem necessário; e de transformar os períodos de depressão e desespero de Anne em cenas fantásticas ou com aura de sonho.

Veja Também:

Comentar


Mais lidas
Filmes em cartaz
  • PICA-PAU
  • BLADE RUNNER 2049
  • CHOCANTE
  • MY LITTLE PONY: O FILME
  • KINGSMAN: O CÍRCULO DOURADO
  • LEGO NINJAGO - O FILME
  • DUAS DE MIM
  • CINECLUBE - OS MENINOS QUE ENGANAVAM NAZISTAS
  • MÃE!
  • DIVÓRCIO
  • IT - A COISA
  • LINO - UMA AVENTURA DE SETE VIDAS