Publicado em: 04/12/2017 18h12 - Atualizado em 04/12/2017 20h17

Sessão Solene será no Ciaei, sábado que vem

Pela primeira vez, Câmara e Prefeitura de Indaiatuba promovem o evento em conjunto

Da Redação
Em 2017, a Sessão Solene reunirá, pela primeira vez, os homenageados da Câmara Municipal e Prefeitura de Indaiatuba em um único evento, que acontece no próximo sábado, dia 9, a partir das 8 horas, na Sala Ácrísio de Camargo. Durante o evento, a Câmara entregará os títulos de "Esportista do Ano", "Cidadão Benemérito Dr. Caio da Costa Sampaio" e "Cidadão Indaiatubano", enquanto a prefeitura premiará os funcionários padrão da administração municipal, autarquias e fundações e entrega a Medalha João Tibiriçá Piratininga, maior comenda da municipalidade, para dois homenageados.
Essa é a primeira vez que a Sessão Solene ocorre fora do Palácio Votura, sede do Poder Legislativo de Indaiatuba. O evento é aberta a toda a população, terá a participação dos 12 vereadores da Casa e irá homenagear 13 pessoas. O título honorífico "Esportista do Ano" abre a manhã de homenagens, com a participação do atleta Marcelo Chris Correa, que recebe a honraria das mãos da vereadora Silene Silvana Carvalini.
Na sequência, a cerimônia passa a entregar os títulos de "Cidadão Benemérito Dr. Caio da Costa Sampaio", criado para homenagear cidadãos que nasceram em Indaiatuba e se destacaram pelos serviços e ações dedicadas ao município. O primeiro a ser homenageado é Caio Antônio do Amaral Sampaio, que recebe o título das mãos do vereador Alexandre Carlos Peres. O segundo homenageado será Carlos Pignatelli, que recebe o título por iniciativa do vereador Edvaldo Bertipaglia.
Cidadão
A última parte da cerimônia contará com dez homenageados e será marcada pela entrega do título "Cidadão Indaiatubano" a Eduardo dos Santos (homenagem prestada pelo vereador João de Souza Neto, o Januba da Banca), Pedro Moreira de Souza (título concedido pelo vereador e presidente da Câmara Hélio Alves Ribeiro), Jorge Ribeiro da Silva Júnior (Luiz Alberto Pereira, o Cebolinha), Bruno Arevalo Ganem (Alexandre Carlos Peres), Edmir Deberaldini (Luiz Carlos Chiaparine),Makoto Anbe (Célio Massao Kanesaki), Maria Nogueira de Oliveira Lima (Silene Silvana Carvalini), Antônio Sposito (Jorge Luis Lepinsk, o Pepo), Giuseppe Mirone (Adeílson Pereira da Silva, o Figura) e José Pellegrino Neto (Edvaldo Bertipaglia).
Todos os homenageados recebem os títulos por unanimidade, ou seja, o projeto foi aprovado na Câmara de Indaiatuba, com votos favoráveis de todos os vereadores da Casa.
HOMENAGEADOS
ESPORTISTA DO ANO
Marcelo Chris Correa
Tem representado Indaiatuba em diversas competições no Brasil e no exterior, como o Ironman Brasil, ocorrido em Florianópolis no dia 28 de maio deste. Em 2016, competiu na categoria M/40-44 e completou a prova superando as expectativas. Este ano, na categoria M/45-49, baixou seu tempo e garantiu vaga na etapa do Ironman Itália, em Cervia, cidade da região da Emília-Romagna, província de Ravena.
No Powerman Brasil, prova realizada em Indaiatuba no dia 20 de agosto, foi o terceiro lugar na prova Classic, categoria 45-49 anos, e confirmou presença para a competição europeia em setembro em Zofingen, na Suíça.
CIDADÃO BENEMÉRITO
Caio Antonio do A. Sampaio
Nasceu em 14 de fevereiro de 1961, em Indaiatuba. Filho de Caio da Costa Sampaio (in memoriam), dentista, eleito e reeleito vereador municipal por 23 anos, tendo presidido o Legislativo Municipal durante seis anos. Sua mãe, Maria Theodora Campos do Amaral Sampaio, professora aposentada, formou-se em Educação Artística e Artes Plásticas e lecionou em Indaiatuba, na Rede Pública Estadual de Ensino.
Iniciou suas atividades profissionais no Serviço Autônomo de Água e Esgotos de Indaiatuba (Saae) em janeiro de 1984 e permaneceu até dezembro de 1988. Retornou à autarquia em agosto de 1995 e trabalhou até agosto de 1998. Passou pela Prefeitura de Cosmópolis e voltou ao Saae em fevereiro de 2003, onde permanece até hoje, à frente do Departamento de Projetos. Foi professor na Fundação Indaiatuba de Educação e Cultura (Fiec), de 2001 a 2003. Em 2008, recebeu a "Medalha Leonor de Barros Camargo" pela Fundação Pró-Memória de Indaiatuba e pela Academia Brasileira de Arte, Cultura e História.
Carlos Pignhatelli
Nascido em Indaiatuba no dia 11 de setembro de 1949, ingressou na Têxtil Judith S.A. aos 12 anos de idade. Como jogador, nos capôs e quadras da cidade e região, passou pelo CISA, Galo, XV de Novembro, Primavera, Irmãos March, RCA, Usina São Bento, Monsenhor Couto, Eucatex, Ponte Preta e Guarani.
Recebeu da Federação Paulista de Futsal, o prêmio de "Dirigente do Ano" por seu trabalho à frente da Tejusa. No período em que esteve à frente do time, de 1977 a 2014, como presidente, a equipe ganhou inúmeros campeonatos, como a Taça EPTV de futsal na categoria adulto. Representou e trouxe títulos para Indaiatuba nos Jogos Regionais, além de vários títulos em campeonatos organizados pela Federação Paulista de Futsal. Em 1992, se desligou da Têxtil Judith e assumiu a Secretaria Municipal de Esportes. De 93 a 96, presidiu a Faici. Durante 16 anos, coordenou o Brazilian Country Night. No clube Tejusa, organizou diversos outros eventos.
CIDADÃO INDAIATUBANO
Eduardo dos Santos
Nasceu em Riba de Baixo (Penacova, em Portugal). Aos 12 anos, foi a Lisboa para aprender o oficio de mecânico, profissão que exerceu a vida toda. Durante a 2ª Guerra Mundial, ao completar 21 anos, foi convocado para servir o Exército da cidade do Porto. Em 1951, mudou-se para Indaiatuba.
Com o cunhado Daniel Alves como sócio, abriu a Oficina Alves e Santos. Posteriormente, rompeu a sociedade e comandou seu negócio por 20 anos. Foi desbravador do Bairro Cidade Nova, onde por incentivo do então prefeito Jacob Lyra, adquiriu lotes e construiu sua primeira casa, onde vive até hoje. Foi também um dos primeiros sócios do Indaiatuba Clube. Apaixonado por ciclismo, conquistou diversos títulos e prêmios.
Pedro Moreira de Souza
Fundador da Cia. de Reis São Francisco de Assis, fundada em 1987, é chamado de "Goiano" a pedido do Padre Piaza, da Comunidade São Francisco de Assis, localizada no Bairro Cecap I. Pedro encantou-se com a Cultura de Reis desde os sete anos de idade. Nascido em Minas, levou a cultura por onde passou: Goiás, Paraná e desde 1975, em São Paulo, mais exatamente em Indaiatuba.
Como grupo, já viajou por diversas cidades do interior, como Mococa, São Carlos, Cordeirópolis, Porto Ferreira, Santa e Santa Cruz das Palmeiras; entre outras. A folia de Reis, também conhecida como Reisado, é uma festa popular brasileira de caráter religioso (católico). Também considerada de caráter folclórico (espécie de folguedo). Ela é realizada entre o período do natal até o Dia de Reis (06 de janeiro).
Jorge Ribeiro da Silva Júnior
Jorge Ribeiro da Silva Júnior nasceu em Presidente Prudente e veio para Indaiatuba em 1959, onde reside há mais de 57 anos. Graduado em Direito pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Campinas em 1972, tornou-se advogado, profissão que exerce até os dias atuais. Casou-se com Vera Lúcia Lui Ribeiro da Silva e é pai de Jorge Ribeiro da Silva Neto, Marcos Ribeiro da Silva e Rogério Ribeiro da Silva.
Foi professor na Escola de Comércio, assessor da Fiec e da Câmara. Participou ativamente como membro do Clube 9 de Julho e Indaiatuba Clube. No ano de 1982 foi eleito vereador e cumpriu um único mandato.
Bruno Arevalo Ganem
Nascido em 15 de setembro de 1986, em São Paulo, mudou-se com a família para Indaiatuba aos seis anos de idade. Foi escoteiro entre 1994 e 2007, com o Grupo Escoteiro lndaiá. Aos 14 anos, teve seu primeiro contato com a política municipal, quando encaminhou uma reivindicação para a instalação de um orelhão público no Jardim Regina.
Aos 17 anos foi cursar Engenharia de Produção na Universidade de São Paulo (USP). Em 2007, fundou o Movimento Jovem, que tem o intuito de melhorar Indaiatuba com a inserção do jovem no meio político e social. Logo depois, filiou-se ao Partido Verde. Foi eleito vereador aos 22 anos, em 2008, com 1.055 votos. Em seu primeiro mandato, apresentou 15 Projetos de Lei. Em 2016 participou das eleições municipais como candidato a prefeito, totalizando 51.358 votos.
Edmir Deberaldini
Nascido em 19 de novembro de 1953, em Taquaritinga (SP). Completou o curso de Medicina em 1978, na 11ª Turma da Unicamp. Em novembro do mesmo, iniciou seu trabalho como médico plantonista do Hospital Augusto de Oliveira Camargo (Haoc), atividade que mantinha em paralelo com a residência médica junto à Maternidade de Campinas.
Em abril de 1981, recebeu convite do Dr. Renato Riggio para mudar-se para Indaiatuba e trabalhar com ele. Passou a exercer a atividade de médico ginecologista. Foi plantonista da Maternidade do Haoc por 27 anos e também exerceu as funções de Diretor do Pronto Socorro e da Maternidade, Diretor Clínico e Diretor Técnico da instituição. Participu ainda da Fundação da APM Regional, uma iniciativa do Dr. José Roberto Provenza.
Makoto Anbe
Nascido em 9 de março de 1949, na província de Hiroshima, Japão, veio com a família para o Brasil, desembarcando no porto de Santos no dia 17 de janeiro de 1953. Como os familiares do avô paterno residiam em Indaiatuba, seu pai escolheu as terras dos Indaiás para recomeçar a vida. Como bolsista da Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa, cursou Matemática na PUC Campinas de 1969 a 1972. Iniciou a carreira de magistério superior em 1974, a convite da PUC, para exercer o cargo de professor titular de Cálculo Diferencial e Integral nos cursos de Engenharia Civil. Deixou a universidade no ano de 2012, quando se aposentou.
Na Acenbi, ocupou o cargo de conselheiro fiscal (1985 a 86), secretário (1987 a 88), vice-tesoureiro (1991 a 92), presidente da escola de língua japonesa (1993 a 94), relações-públicas (1997 a 98 e de 2001 a 2002), 2º vice-presidente (1999 a 2000) e presidente (2003). Participou da criação da Associação das Entidades Étnicas de Indaiatuba em 1999 e foi membro da primeira diretoria da Associação Brasileira de Taiko, fundada em 2003, e do grupo Ryuu Taiko da Acenbi. Desde então, ocupa algum cargo no Conselho Deliberativo da associação.
Maria Nogueira Oliveira Lima
Conhecida como "Irmã Tesinha", mudou-se com seu esposo e filhos a serviço da igreja Evangélica Assembleia de Deus de Indaiatuba, uma vez que o marido, Raimundo Soares de Lima, pastoreia a igreja em Indaiatuba desde 5 de novembro de 1978. É mãe de Rubenita, Ruben, Rubeneide, Robenilton, Rubenelda, Rubeneuton, Ruberlene e Ruberleide.
Participou como vice-diretora da Creche Evangélica Assembleia de Deus por um período de 19 anos e atualmente como vice-diretora do CEEC- Centro Evangélico de Educação e Cultura desde 1999. Recebeu diversas homenagens da Igreja Evangélica Assembleia de Deus.
Antônio Sposito
Nascido em 26 de fevereiro de 1964, na cidade de Osvaldo Cruz (SP), tornou-se um dos maiores empresários da indústria alimentícia do interior paulista. Mais conhecido como Toninho da Croissant, é filho de Vitorio Spósito e Antonia Crevelin Spósito, com quem morou 18 anos ao lado de mais sete irmãos. Sua precoce vida profissional teve início aos 10 anos, como agricultor, e com muito custo concluiu o segundo grau.
Em 1989, mudou-se para com sua esposa, três filhos e uma mala. Sete anos depois, resolveu ser empresário. Montou restaurante, bares, cantinas e fábrica de salgados. Em 2002, chegou a Indaiatuba e montou a Croissant & Cia., na época com cinco funcionários. Hoje, sua empresa gera 160 empregos diretos e mais de 500 indiretos.
Giuseppe Mirone
Nascido em 27 de novembro de 1945 na cidade de Catania, na Sicília (Itália), mudou-se para Indaiatuba cinco anos depois. Casado com Leopoldina Jansen Mirone, em três filhos. Formado em Agronomia pela Universidade do Estado de São Paulo (Unesp) no ano de 1970 e em Engenharia de Alimentos pela Unicamp em 1975, atualmente é empresário no ramo agropecuário e imobiliário.
Sócio proprietário da Pimenta Holding, empresa proprietária das áreas da Fazenda Pimenta, atua como diretor, coordenando trabalhos de construção de galpões industriais, loteamento residencial, bem como planejamento urbanístico para futuro desenvolvimento imobiliário. Por meio de sua empresa, concedeu a área onde foi construído o Senai de Indaiatuba e colaborou na construção do seu prédio. Também doou a área onde atualmente está a Apae no Bairro Pimenta. É grande colaborador da entidade, onde atua como tesoureiro.
José Pellegrino Neto
Nascido em Bauru, reside em Indaiatuba há 36 anos. Casado com a Sandra Helena de Genaro Pellegrino, tem sete filhos. Com formação superior em Química, iniciou sua carreira na empresa Unilever, na cidade de São Paulo, em 1972. Em 1981, quando a empresa decide se instalar na cidade, mudou-se para Indaiatuba.
Em 1990, ao lado de um grupo de empresários, funda a empresa Nippon Chemical na cidade de São Paulo. Em 1994, os proprietários mudam a empresa para Indaiatuba, em um prédio alugado no Bairro Recreio Campestre Joia, que está sendo devolvido esse ano, após quase 23 anos de atividades. Atualmente, a sede da empresa é no Distrito Industrial João Narezzi, em um complexo com 7.500 metros quadrados. Também é proprietário da Sweet Friend, empresa do ramo veterinário. As duas empresas empregam 150 pessoas na cidade.
O homenageado é fundador e foi presidente durante cinco gestões da Creche de Proteção e Amparo Jerônimo Mendonça. Hoje, a creche chama-se Creche Professora Martha Stenerfruit.
Caio Antônio do Amaral Sampaio Caio Antônio do Amaral Sampaio (Crédito: Divulgação)
Antonio Sposito, o Toninho da Croissant Antonio Sposito, o Toninho da Croissant (Crédito: Divulgação)
Pedro Moreira de Souza Pedro Moreira de Souza (Crédito: Divulgação)
Maria Nogueira Oliveira Lima Maria Nogueira Oliveira Lima (Crédito: Divulgação)
Marcelo Chris Correa Marcelo Chris Correa (Crédito: Divulgação)
Makoto Anbe Makoto Anbe (Crédito: Divulgação)
José Pellegrino Neto José Pellegrino Neto (Crédito: Divulgação)
Jorge Ribeiro da Silva Júnior Jorge Ribeiro da Silva Júnior (Crédito: Divulgação)
Giuseppe Mirone Giuseppe Mirone (Crédito: Divulgação)
Eduardo dos Santos Eduardo dos Santos (Crédito: Divulgação)
Edmir Deberaldini Edmir Deberaldini (Crédito: Divulgação)
Carlos Pignatelli Carlos Pignatelli (Crédito: Divulgação)
Bruno Arevalo Ganem Bruno Arevalo Ganem (Crédito: Divulgação)

Prefeitura entregará duas medalhas

Excepcionalmente, este ano duas pessoas receberão a medalha João Tibiriçá Piratininga, maior comenda da municipalidade: a presidente do Fundo Social de Solidariedade (Funssol), Enides Nogueira Lopes Cruz, e a educadora Leonor Amstalden. A indicação das agraciadas foi realizada pela Fundação Pró-Memória de Indaiatuba.
Enides Nogueira Lopes Cruz nasceu em Pouso Alto (MG) em 12 de dezembro. Casou-se com Leonício Lopes Cruz dia 31 de dezembro de 1965 na Igreja Matriz Nossa Senhora da Candelária, em Indaiatuba. Tem três filhos, Reinaldo, Rogério e Luciane, cinco netos e mais um a caminho. Graduou-se em Ciências Biológicas na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Nossa Senhora do Patrocínio, de Itu. Lecionou por muitos anos na Escola Estadual Helena de Campos Camargo e na então Escola Estadual Áurea Moreira da Costa, onde aposentou-se. Está há 16 anos à frente do Funssol.
Leonor Amstalden nasceu em Indaiatuba dia 24 de março de 1922. Formou-se orientadora educacional na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Campinas. Por dez anos atuou como diretora e professora na então Escola Particular Nicolau de Flue, em Helvetia. No período de 1952 a 1963 trabalhou como assistente social no Serviço Social Rural de Valinhos. De 1963 a 1978 atuou na sessão de sócio economia da divisão de fomento agrícola, pertencente à Secretaria de Agricultura, de Campinas.
Como voluntária, prestou assistência à Federação das Entidades Assistenciais de Campinas e colaborou no planejamento da Festa da Tradição, de Helvetia. Como membro da Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, em Helvetia, coordenou a Pastoral da Assistência e Promoção Humana por 25 anos.
Finalizando o evento, os servidores que receberão a premiação de "funcionário padrão" são: Sandra Maria da Silva (Prefeitura Municipal), Dulcileia Teixiera de Carvalho Muneratti (Fiec),Celina das Chagas Abreu (Saae), e Eunice Rodrigues de Carvalho (Seprev).

Veja Também:

Comentar


Mais lidas
Vídeos
Filmes em cartaz
  • JOGOS MORTAIS: JIGSAW
  • ASSASSINATO NO EXPRESSO DO ORIENTE
  • A ESTRELA DE BELÉM
  • PAI EM DOSE DUPLA 2
  • LIGA DA JUSTIÇA
  • THOR: RAGNAROK
  • A MENINA ÍNDIGO
  • BIG PAI, BIG FILHO