Publicado em: 19/01/2018 16h16 - Atualizado em 24/01/2018 10h42

Quatro pessoas de Itu são presas após furto em supermercado

Anieli Barboni
Eduardo Turati/GC Produtos foram furtados de três supermercados na cidade
A Guarda Civil de Indaiatuba prendeu quatro pessoas que estavam sob posse de mercadorias furtadas de três supermercados da cidade. A prisão foi possível após duas mulheres furtarem o Tenda Atacado, em Indaiatuba, e o responsável pelo mercado denunciar o crime, no início da noite de quarta-feira, dia 17. Todos os acusados são de Itu.
O furto contra o supermercado Tenda aconteceu por volta das 19h. Segundo o boletim de ocorrência, as duas mulheres entraram no mercado com duas bolsas vazias e deixaram o estabelecimento com as bolsas cheias. Segundo o representante do mercado, elas deixaram o local em um Ford Ka com placas de Salto. O Centro de Operações, Atendimento e Despacho (Coad) foi avisado e rapidamente os atendentes cadastraram a placa do veículo no sistema de monitoramento veicular, que informou o momento em que o carro saiu de uma das vias da cidade e entrou na Rodovia Santos Dumont, sentido Salto. A Guarda Civil conseguiu cercar o veículo e as duas mulheres mais dois homens foram detidos na rodovia.
Na parte da frente do veículo encontraram produtos com notas fiscais pagas, porém, no porta-malas do carro se depararam com diversos produtos, como carnes, sabonete, achocolatado, chocolate, lenço umedecido, shampoo, condicionador, sabonete, desodorante e creme de cabelo. Indagados, cada um dos suspeitos contou uma versão diferente. Os dois homens, um ajudante de pintor de 30 anos e um desempregado de 32, afirmaram que eles não sabiam que os produtos foram subtraídos e que não participaram do furto.
Uma das mulheres, uma desempregada de 22 anos, disse que o produtos não era dela e que somente estava no supermercado quando a outra mulher, uma manicure de 34 anos, foi abordada no supermercado com os produtos na bolsa. Já a manicure alegou que havia ganhado os produtos em um chá de bebê. Todos afirmaram que estiveram apenas no Tenda, porém, nas embalagens das carnes haviam etiquetas do São Vicente e do Cato. Os dois mercados também relataram que foram vítimas de furto praticado por duas mulheres e relataram que elas fugiram em um Ford Ka, onde tinha mais dois homens.
Além disso, na ação criminosa a filha da manicure, uma menina de três anos, estava com a mãe. A mesma foi entrega a um amigo da indiciada. Na delegacia também foi constatado que a outra mulher encontrava-se na situação de procurada da justiça pelo crime de roubo e deveria de cumprir pena de quatro anos no regime aberto.

Veja Também:

Comentar


Mais lidas
Filmes em cartaz
  • SOBRENATURAL: A ÚLTIMA CHAVE
  • CORRENDO ATRÁS DE UM PAI
  • RODA GIGANTE
  • O TOURO FERDINANDO
  • O DESTINO DE UMA NAÇÃO
  • O ESTRANGEIRO
  • JUMANJI: BEM-VINDO À SELVA
  • FALA SÉRIO, MÃE!
  • O REI DO SHOW
  • EXTRAORDINÁRIO