Publicado em: 06/03/2018 15h14 - Atualizado em 09/03/2018 19h01

Giovannini é coroado ao vencer Descida das Escadas de Santos

Biker de Indaiatuba quebra jejum brasileiro que durava nove anos

Anieli Barboni
Divulgação Gabriel no pódio: título inédito em uma das principais completições do downhill urbano
É de Indaiatuba o novo "rei" da Descida das Escadas de Santos. Gabriel Giovannini trouxe para casa um dos títulos mais cobiçados do downhill urbano. O biker superou seus limites para ser o brasileiro a quebrar o jejum do País, que desde 2009 não vencia uma das principais competições da modalidade na América do Sul.
Com o apoio da torcida no Morro do Pacheco, em Santos, Gabriel fez a descida em 56,4 segundos e ainda teve que lidar com o fato de ter estourado o pneu de sua bicicleta quando apenas cinco metros separava o atleta da linha de chegada. "Lá em cima, logo no início, perdi os dois pés do pedal, e desci mais forte para compensar o erro, coloquei forças em lugares que não costumava pedalar", conta. "Fiquei inseguro e cheguei a desacreditar que eu pudesse ainda ganhar porque qualquer erro pode fazer você perder, já que o meu tempo na semifinal teve muita pouca diferença para a final. No último pulo o pneu estourou, faltavam cinco metros para pedalar, mas graças a Deus isso interferiu só um pouco e saí ileso. Lá, os tombos judiam um pouco." 
Diferente da prova em São Roque, Gabriel não disputou contra mais adversários na pista, o seu inimigo principal foi o tempo, já que a disputa é contra-relógio. "Sábado eu consegui o segundo melhor tempo e fiquei com boa classificação no domingo, fiz essa descida em um tempo que ninguém bateu. A final foi bem disputada, tinha um equatoriano e chileno que são fortes na modalidade. Também tinha o Catarinense Lucas Borbo e o paulista Wallace Miranda, que já foi campeão; acredito que esses dois foram os meus principais adversários acredito", afirma.
Esta é a quinta vez que o atleta participa da Descida das Escadas de Santos. As duas primeiras foi quando tinha 11 e 13 anos, mas sua idade não permitia classificação para a final. "Depois, desci nas últimas três edições. Em 2016, me classifiquei para a final, mas caí", lembra. "No ano passado, fiquei em terceiro lugar e neste ano conquistei o título de campeão. Fui evoluindo igual em São Roque."
Em janeiro, Gabriel conquistou o troféu de Rei da Montanha 2018 na prova de downhill em São Roque. "Eu sou o único a conseguir ganhar as duas provas e a conseguir os títulos no mesmo ano. Teve uma repercussão legal, o pessoal ficou feliz em trazer a vitória de novo para o Brasil. Também fico muito feliz e isso está me abrindo portas", afirma.
A Descida das Escadas de Santos é disputada no Morro do Pacheco e chegou à sua 16ª edição. Neste ano, a prova teve participação de 80 atletas do Brasil, Equador, Chile, Colômbia e Espanha. Agora, Gabriel tem pela frente duas provas nos Estados Unidos e o Brasileiro, em julho.

Classificação

1) Gabriel Giovannini: 56,4 segundos
2) Lucas Borbo: 57,3 segundos
3) Bruno Silva: 58 segundos
4) Wallace Miranda: 59,3 segundos
5) Frederico Vieira: 58,6 segundos

Veja Também:

Comentar


Mais lidas
Vídeos
Filmes em cartaz
  • OS FAROFEIROS
  • O PASSAGEIRO
  • CINECLUBE - O INSULTO
  • PANTERA NEGRA
  • CINQUENTA TONS DE LIBERDADE
  • OPERAÇÃO RED SPARROW
  • A MALDIÇÃO DA CASA WINCHESTER
  • A FORMA DA ÁGUA
  • TRÊS ANÚNCIOS PARA UM CRIME
  • DUDA E OS GNOMOS
  • VIVA: A VIDA É UMA FESTA
  • O TOURO FERDINANDO
  • FALA SÉRIO, MÃE!