Publicado em: 12/04/2018 13h58 - Atualizado em 13/04/2018 16h56

130 Anos

Colônia suíça celebra aniversário com edição comemorativa da Helvetia Fest

Fábio Alexandre
A colônia de Helvetia foi oficialmente fundada em 14 de abril de 1888 pelas famílias Ambiel, Amstalden, Bannwart e Wolf, provenientes das 26 famílias que chegaram ao Brasil em 1854, procedentes do Cantão de Obwalden, na Suíça. Para celebrar os 130 anos de sua fundação, acontece hoje (14), a partir das 11 horas, uma edição especial da Helvetia Fest, com uma série de atrações e entrada franca.
As 26 famílias que chegaram ao Brasil - totalizando 150 pessoas - logo foram trabalhar na Fazenda Sítio Grande, propriedade de Antonio de Queiroz Telles, em Jundiaí, justamente em um período que a Europa Central vivia um momento de crise econômica e social, resultante das guerras e movimentos sociais que reivindicavam mudanças nas instituições e estruturas da sociedade.
Esta crise foi particularmente acentuada na Suíça, o que significou o enfraquecimento político e afetou economicamente os cantões da Suíça Central, entre eles, Obwalden. Em 1888, as famílias Ambiel, Amstalden, Bannwart e Wolf compraram de Vicente Sampaio Goes o sítio Capivari-Mirim e parte do sítio Serra D'Água, ao longo do Rio Capivari Mirim, uma área 468 alqueires.
Nos seis primeiros anos as quatro famílias trabalharam em comum. Em 1894 dividiram a propriedade em quatro partes iguais, reservando um alqueire para a futura construção da Escola (educação) e da Igreja (fé católica). "Os descendentes dos fundadores têm orgulho do nome do lugar onde nasceram. De certo modo, o nome define a sua identidade, as suas raízes, da Suíça, o termo 'Helvetia' e da experiência dos imigrantes nas fazendas do Brasil, o termo 'Colônia'", enfatiza Ana Carolina Bannwart, representante da Colônia Helvetia.
Festa
Em sua terceira edição, a Helvetia Fest celebra os 130 anos da colônia, situada na Alameda Antônio Ambiel, 895. "Tudo está sendo preparado com muito carinho, para termos mais uma linda festa, para tanto convido todos a saberem um pouco mais sobre nossa Fundação", destaca Ana Carolina. A Helvetia Fest terá início às 11 horas, com Missa Solene em comemoração aos 130 anos cantada pelo Coral de Helvetia, seguida pela Solenidade de abertura e Helvetiatrunk (gole dos helvetianos).
Ao longo do dia, o evento contará com diversas atrações, como encenação da história dos 130 anos da Fundação de Helvetia; apresentações de Jodler, danças e banda com músicas típicas; gastronomia típica da época da fundação, com muito chope; e baile típico. "Teremos muitos momentos importantes neste dia. Entre eles, uma reunião das famílias fundadoras", destaca Ana Carolina.
O Desfile dos Grupos de Danças está programado para 19 horas. "Convidamos todos com seus belos trajes e alegria contagiante, a se concentrarem às 19 horas, próximo à entrada da festa, para abertura do baile com a banda Die Lustigen Musikanten, de Blumenau (Santa Catarina)", destaca uma das organizadoras do evento.
Entre as autoridades confirmadas no evento estão Helen Keiser, presidente do Conselho do Cantão de Obwalden; Josef Hess, do Conselho de Governo de Obwalden;Beat Mathis, do Conselho de Estados de Obwalden; Rudolf Wyss, Cônsul Geral do Rio de Janeiro; Urs Brönnimann, Cônsul Geral de São Paulo; e Xaver Schönbächler, Cônsul de São Paulo.
Encenação contará detalhes da chegada dos imigrantes suíços em 1854 e a vinda para Indaiatuba em abril de 1888 Encenação contará detalhes da chegada dos imigrantes suíços em 1854 e a vinda para Indaiatuba em abril de 1888 (Crédito: Fotos: NG Imagem)
Evento contará com música e baile típicos, além de gastronomia da época da fundação Evento contará com música e baile típicos, além de gastronomia da época da fundação (Crédito: NG Imagem)

Veja Também:

Comentar


Mais lidas
Filmes em cartaz
  • RAMPAGE: DESTRUIÇÃO TOTAL
  • UM LUGAR SILENCIOSO
  • COM AMOR, SIMON
  • ASSISTA MULHERES - MUDBOUND: LÁGRIMAS SOBRE O MISSISSIPI
  • CINECLUBE - PROJETO FLÓRIDA
  • JOGADOR Nº1
  • NADA A PERDER
  • O HOMEM DAS CAVERNAS
  • PEDRO COELHO
  • CÍRCULO DE FOGO: A REVOLTA
  • OS FAROFEIROS
  • PANTERA NEGRA