Publicado em: 24/04/2018 15h16 - Atualizado em 27/04/2018 18h00

Primavera busca reabilitação contra o Barcelona

Fantasma recebe time da Capital depois de perder para o Mauaense, fora, no último sábado

Da Redação
Luciano Santoliv/MKT Esportes Lance de Mauaense x Primavera, em Mauá: primeira derrota da equipe de Indaiatuba
O Primavera busca hoje a reabilitação na Segunda Divisão do Campeonato Paulista. Depois de ter sofrido a primeira derrota, para o Grêmio Mauaense (0 a 1), o Fantasma da Ituana recebe às 15h o Barcelona Capela, da capital paulista. O resultado deixou o Primavera na sétima colocação do Grupo 5, com 2 pontos, três a menos que os líderes Mauá, Itararé e Mauaense.
No sábado (21), em Mauá, o técnico Paulo Pereira promoveu a estreia de seis jogadores - o goleiro Iago, os laterais Caíque e Uesley, o zagueiro Gabriel e os atacantes Bruno e Giovane. "A equipe criou algumas oportunidades, mas não conseguiu concretizá-las", conta. "O Mauaense conseguiu o gol numa bola parada."
O treinador voltou a afirmar que, em que pese o resultado negativo, o Primavera vem jogando bem. "O entrosamento está crescendo", constata. "Num espaço breve a equipe vai recuperar esses pontos." Para o jogo contra o Barcelona, Paulo contará com mais dois jogadores inscritos: o goleiro Garça (ex-América-PE) e o volante Euler (ex-Tricordiano-MG).
Barcelona
Diferentemente do se possa imaginar, o Barcelona, adversário de hoje do Primavera, não tem sua origem inspirada no "xará" famoso. Embora cores, escudo e uniforme remetam ao Barcelona espanhol, a inspiração para o batismo da equipe veio da comunidade da Vila Barcelona, na região da Capela do Socorro, onde amigos decidiram montar um time amador. Desde 2004 na Segunda Divisão, a equipe tem boa parte dos atletas recrutada nas categorias de base. Como não tem dependências com pelo menos 5 mil lugares - exigência da Federação Paulista de Futebol para disputar o campeonato -, o Barcelona tem mandado os jogos no estádio do Juventus, na Rua Javari (Mooca).

Atibaia conquista acesso à A2

O Atibaia conquistou o acesso à Série A2 do Campeonato Paulista ao vencer o Capivariano por 3 a 2, sábado (21), em Indaiatuba. Com a melhor campanha na Série A3, o time de Atibaia mandou os jogos no Estádio Ítalo Mário Limongi, do Primavera.
O desafio, agora, é ter um estádio para disputar a A2. Há três anos, o Atibaia também conquistou o acesso, mas perdeu a vaga por não ter um estádio com capacidade mínima de 8 mil lugares, exigência da Federação Paulista de Futebol. O Estádio Salvador Russani, em Atibaia, tem capacidade para 3 mil lugares e o Gigante da Vila Industrial, para 6.914.
Em 23 partidas, o Atibaia conquistou 15 vitórias, cinco empates e sofreu três derrotas. A equipe disputa a final da A3 contra a Portuguesa Santista em jogo único, hoje (28), às 11h, em Bragança Paulista.

Veja Também:

Comentar


Mais lidas
Vídeos
Filmes em cartaz
  • VINGADORES: GUERRA INFINITA
  • AYRTON SENNA: O MUSICAL
  • 7 DIAS EM ENTEBBE
  • EXORCISMOS E DEMÔNIOS
  • RAMPAGE: DESTRUIÇÃO TOTAL
  • UM LUGAR SILENCIOSO
  • CINECLUBE - A LIVRARIA
  • NADA A PERDER
  • PEDRO COELHO
  • O HOMEM DAS CAVERNAS