Publicado em: 10/05/2018 16h14 - Atualizado em 11/05/2018 17h55

Chamadas de vagabundas

O juiz de Direito Narciso Alvarenga Monteiro de Castro, de Uberaba (MG), julgou improcedente pedido de indenização por danos morais feito por duas agentes de trânsito contra um homem que as chamou de "vagabundas", em comentário com foto publicada por um terceiro no Facebook. Segundo os autos, elas foram fotografadas multando carros com a legenda: "Absurdo!!! Essas funcionárias da prefeitura multando aleatoriamente todos os motoristas que passam; claro, né, elas têm comissão. São vagabundas, viu".
Para o juiz, a publicação não passou de um "mero aborrecimento profissional, e a palavra "vagabundas" não tem a conotação de transformar as autoras em pessoas melhores ou piores do que são; e, possivelmente, os autores quiseram dizer 'pessoas à toa', que estavam ali para multar ao seu bel prazer os incautos motoristas que transitavam pela via pública".
No final, o juiz ainda deu uma alfinetada, dizendo que "o Poder Judiciário não pode compactuar com a indústria do dano moral, achando que vão ganhar um bom dinheiro com ações desse tipo".
(fonte: site Migalhas)

Veja Também:

Mais lidas
Vídeos
Filmes em cartaz
  • VINGADORES: GUERRA INFINITA
  • A NOITE DO JOGO
  • DESEJO DE MATAR
  • O RENASCIMENTO DO PARTO 2
  • ASSISTA MULHERES - BRANCO E PRATA
  • VERDADE OU DESAFIO
  • PAULO, APÓSTOLO DE CRISTO
  • TEU MUNDO NÃO CABE NOS MEUS OLHOS
  • CINECLUBE - BASEADO EM FATOS REAIS
  • PEDRO COELHO
  • OS FAROFEIROS