Publicado em: 30/05/2018 16h59 - Atualizado em 01/06/2018 18h27

Resgatar a autoridade

A crise gerada pela greve dos caminhoneiros evidencia a falência do atual modelo político do País, enquadrado no chamado presidencialismo de coalizão. Não somente pela demonstrada impotência governamental ao lidar com tão grave problema, como também pelas consequências do movimento, que extrapolaram em muito os limites do bom senso.
A acentuada inversão de valores na sociedade, intensificada pelo quadro de corrupção sistêmica, exige dos governantes moral e determinação para lidar com esse quadro - tudo o que não encontramos na maioria dos detentores do poder público, alheios, em seus palácios e rodeados de asseclas, ao real martírio da população.
Reitere-se a legitimidade dos protestos ante à indiscutível série de carências vivida pelos profissionais da boleia. No entanto, quando uma manifestação de tal ordem ultrapassa a linha demarcatória do estado democrático de direito, exige-se um mínimo de autoridade - não somente retórica - a fim de conter abusos e oportunismo.
Importante não confundir autoridade
com autoritarismo. Referimo-nos, neste ca-
so, à imposição do governante por meio de sua conduta ética e do efetivo envolvimento nas questões do País, independentemente de esquemas e interesses pessoais - uma nova configuração política, portanto, como evolução do regime democrático.
Cabe ressaltar que a viabilidade desse renovado modelo depende, fundamentalmente, da conscientização cívica. A partir dela é possível atingir um grau de informação e cidadania que permita a ascensão de novos quadros, revestidos de qualificação e interesse público, por meio das eleições que se sucedem a cada dois anos.
Se bem exercido, esse poder pode redundar em uma sociedade ainda mais fortalecida, desde que ciente da força que tem em mãos. O contraditório e a liberdade de expressão robustecem a democracia. Nesse sentido, não se pode admitir qualquer opção que remonte ao arbítrio. Mas pulso firme e conduta ilibada são absolutamente indispensáveis no momento em que vivemos.

Veja Também:

Mais lidas
Vídeos
Filmes em cartaz
  • NÃO SE ACEITAM DEVOLUÇÕES
  • GNOMEU E JULIETA: O MISTÉRIO DO JARDIM
  • EU SÓ POSSO IMAGINAR
  • PARAÍSO PERDIDO
  • HAN SOLO: UMA HISTÓRIA STAR WARS
  • ALGUÉM COMO EU
  • TOP CLÁSSICOS - A PRIMEIRA NOITE DE UM HOMEM
  • DEADPOOL 2
  • VINGADORES: GUERRA INFINITA
  • PAULO, APÓSTOLO DE CRISTO