Marcas terão prévia da Black Friday com descontos de até 70%

A Black Friday acontece oficialmente no Brasil apenas no mês de novembro. Mas enquanto essa data tão famosa não chega, algumas lojas virtuais estarão aproveitando o embalo das últimas semanas e oferecendo até 70% de desconto em compras feitas ainda em setembro. A iniciativa visa chamar a atenção em especial daquele consumidor que esteja esperando uma boa oportunidade para adquirir algum produto importante.(Fonte: Freepik/Reprodução)Fonte:  Freepik Com o varejo físico enfraquecido por conta da pandemia do coronavírus, as empresas estão focando cada vez mais no comércio eletrônico. Nesta semana, o Mercado Livre, por exemplo, vai oferecer, até o próximo domingo (4), descontos imperdíveis. Vale lembrar que o site é um dos maiores no segmento virtual da América Latina.No entanto, é interessante ficar atento às regras estipuladas pelas empresas para não se decepcionar. No Mercado Livre, os descontos de até 70% são garantidos em compras feitas acima de R$ 99. A melhor notícia é que essa redução nos preços poderá valer para diversos tipos de produtos à venda no site como artigos para casa, artigos para decoração, brinquedos, jogos, autopeças, vestuário e até mesmo vinhos e espumantes.Para engajar ainda mais as pessoas durante essa semana, o Mercado Livre já anunciou em seus canais de comunicação que vai oferecer entregas expressas, aquelas em que o produto pode chegar em até 24 horas, para compras feitas em algumas cidades. Elas são: São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Belo Horizonte, Goiânia, Brasília e Salvador. Isso só será possível por conta de um modelo de logística também conhecido como Full. Nele, a loja — e nesse caso, o Mercado Livre — ficará responsável por todas as etapas do processo; do vendedor até o envio do produto.Black Friday pode trazer benefícios ao setor(Fonte: Freepik/Reprodução)Fonte:  Freepik Conforme todos os anos, a Black Friday acontece sempre na última sexta-feira do mês de novembro e em 2020 será no dia 29. Como as coisas mudaram bastante neste ano, devido à pandemia do coronavírus, consequentemente essa data de “caça aos melhores descontos” também irá se reconfigurar. Um dos setores que mais pode se beneficiar disso é o comércio eletrônico, que embora tenha tido seus percalços na quarentena, conforme apontam os dados da ABComm, se mantém firme nesses tempos de crise. Vale destacar que alguns dos maiores varejistas do Brasil, como o Magazine Luiza e o próprio Mercado Livre, registraram altas promissoras em suas vendas mesmo durante a pandemia. Todos esses dados factuais mostram como o consumidor está se comportando atualmente e adquirindo seus produtos de forma digital.Portanto, não perca! Aproveite a prévia da Black Friday e fique de olho nas ofertas e descontos.

Fonte: Tecmundo