Hapvida: aquisição do Grupo Santa Filomena é positiva, mas insuficiente para alterar recomendação da Ágora

O Grupo Santa Filomena é composto pela Filosanitas e pelo Hospital Santa Filomena, além de três clínicas médicas e um centro de diagnóstico de imagem (Imagem: Santa Filomena/Divulgação)
A Hapvida (HAPV3) informou na noite desta segunda-feira (28), em comunicado divulgado ao mercado, que comprou o Grupo Santa Filomena (composto pela Filosanitas e pelo Hospital Santa Filomena, além de três clínicas médicas e um centro de diagnóstico de imagem) por R$ 45 milhões.
Todas as unidades estão localizadas no município de Rio Claro, interior de São Paulo. A Filosanitas conta com uma carteira de 5,5 mil beneficiários de planos de saúde, sendo majoritariamente composta por planos coletivos (74%). Já o Hospital Santa Filomena possui 73 leitos, dos quais 16 são de UTI.
Segundo a Ágora Investimentos, a aquisição fortalece a presença da Hapvida na região, principalmente depois da companhia ter comprado a Medical no início do mês.
“Os principais ganhos com a transação deverão vir das sinergias em relação à verticalização de procedimentos e de uma presença mais forte na região com mais beneficiários”, avaliam os analistas Fred Mendes e Flávia Meireles.
Em linhas gerais, a corretora classifica a transação como positiva. Mesmo com o valor de R$ 8 mil por vida (maior do que o preço médio de aquisição de estruturas verticais), Mendes e Meireles destacam que a operação vem com ativos substanciais.
Os analistas, no entanto, continuam defendendo a recomendação neutra do papel, com preço-alvo de R$ 73.

 

Fonte: MoneyTimes