Universidade canadense destaca protagonismo feminino em evento online

Ao ingressar no curso de jornalismo da Universidade Federal da Bahia, em 2008, a apresentadora Luana Assiz não projetou metas para a própria carreira. Ela permitiu que a exploração de possibilidades ao longo da graduação guiasse o caminho, e assim descobriu uma afinidade especial na área audiovisual, mas jamais imaginou ser a forma pela qual ela viria a inspirar tanta gente. “Por conta da minha voz, descobri que existiam possibilidades nesse caminho, e daí em diante comecei a me dedicar e estudar essa área”, afirma.
Apesar das oportunidades em empresas de rádio e comunicação corporativa, o divisor de águas da carreira de Luana foi a aposta em um projeto pessoal que a trouxe de volta para a frente das câmeras. A jornalista decidiu investir na criação de um canal no Youtube para abordar temas como feminismo, anti racismo, cultura e política. “Apostar nesse canal acabou servindo como um portfólio e me abriu as portas da TV. Hoje fico muito feliz em ser considerada uma referência e todo o reconhecimento que tenho recebido, desde os prêmios à recepção das pessoas na rua”, relata.
“É uma honra fazer parte desse cenário de multiplicação das mulheres negras em destaque no jornalismo, não se via isso há 15 anos. Na minha trajetória, encontrei muito machismo e racismo e mostrar que tenho méritos para ocupar o lugar onde estou, apesar de todos os obstáculos, é uma conquista especial”, completa Luana.

O caminho e os desafios até o reconhecimento enquanto referência no mercado de trabalho serão tema do debate entre a jornalista Luana Assiz, a empresária/fundadora da Berbert Treinamentos, Paula Berbert e Paula Civolani, consultora/advogada da Teixeira Civolani Advocacia, no evento online e gratuito Women in Leadership / Mulheres na Liderança Brasil, promovido pela University Canada West, instituição sediada em Vancouver, com mediação de Luciana Duarte, representante da UCW no Brasil.
O encontro acontece nesta quinta-feira (1 de outubro), às 19h, e integra a Women in Leadership Series, criada pela própria universidade, com o objetivo inicial oferecer uma bolsa de estudos de MBA para cidadãs canadenses ou residentes permanentes que demonstraram uma excepcional capacidade de liderança por meio da sua experiência profissional, voluntariado, ou trabalho comunitário.
Para a representante da UCW no Brasil, Luciana Duarte, evidenciar líderes femininas é fundamental em um momento de quebra de paradigmas como o atual.“A nossa universidade reconhece que abraçar a diversidade, desenvolver e evidenciar lideranças é o caminho para vencer os obstáculos que ainda existem em pleno século 21”_Luciana Duarte, representante da UCW no BrasilEla destaca que por reconhecer a importância das mulheres na economia e a instituição tem se dedicado a desenvolver mecanismos de promoção de incentivo para capacitar as mulheres a se tornarem líderes mundiais e sociais.
A universidade também sorteará três vale-presentes da Livraria Cultura (no valor de R$ 150, cada). As inscrições podem ser efetuadas através do site
Bolsa  Alinhada à mensagem de protagonismo feminino abordada no evento online, a UCW oferece uma bolsa que pode chegar a até 60% para estudantes da América Latina (incluindo o Brasil). O benefício é disponibilizado para quaisquer pessoas interessadas em estudar na universidade.
Para aproveitar a bolsa de estudos, os alunos brasileiros devem se inscrever até o final de 2020, para um dos cursos de Graduação ou MBA da UCW, podendo iniciar em um dos quatro Intakes (data de ingresso) de 2021: janeiro, abril, julho ou outubro.
Quem quiser saber mais sobre a instituição de ensino pode acessar o perfil @estudenaucw, criado no Instagram exclusivamente para o Brasil.

Fonte: Correio24horas