Pandemia trouxe mudanças de paradigmas nos cuidados pessoais

De acordo com o Silestone Institute, plataforma internacional, promovida pelo Grupo Cosentino e dedicada à pesquisa e ao conhecimento sobre a cozinha, a pandemia trouxe novos comportamentos e rituais não só de limpeza e higiene, mas também de ordem e decoração das casas. Essas mudanças impactam diretamente no bem-estar e na forma como as pessoas usufruem dos espaços, visando o cuidado, proteção, segurança e sentido de pertencimento.Por esses motivos, é importante lembrar que, para alcançar o bem-estar no lar, é fundamental manter as rotinas de higiene em casa, aprendidas com a pandemia, bem como refletir sobre as mudanças na decoração que podem tornar a casa ainda mais confortável, aconchegante e apta para atender todas as necessidades dessa nova realidade, sem perder de vista a estética e o design.Bons hábitos de higiene e saúde em casaSegundo o Instituto Silestone, 76,2% das pessoas na Espanha afirmam ter mudado seus hábitos de limpeza devido ao coronavírus. O que significa lembrar os princípios básicos para manter a higiene em casa:• Lavar as mãos com frequência, especialmente ao retornar da rua.• Evitar a contaminação cruzada, mantendo a higiene dos alimentos e utensílios antes, durante e após o cozimento.• Ventilar os espaços diariamente.• Limpar e desinfetar constantemente superfícies e pisos.• Fazer o armazenamento adequado dos alimentos, consumindo-os antes do prazo de validade e evitando o seu desperdício.Decoração e bem-estar do espaço privado• Reforma, distribuição e ampliação de espaços para conciliar vida e trabalho• Incorporação de tecnologia, o que facilita o dia a dia e torna a vida mais confortável.• Ter espaços abertos.• Espaços mais sustentáveis, aproveitando ao máximo a luz natural.• Cores e objetos decorativos que definem o estilo de vida e dão alegria, design e frescor aos nossos ambientes.• Espaço e sensação de leveza ao fazer uma reforma ou ao escolher uma moradia.Website: https://www.cosentino.com/pt-br/

Fonte: Metropoles