Manu Gavassi, Camila Pitanga e mais artistas atuam em campanha contra desinformação

As pessoas juram que não compartilham e que detestam receber as famosas fake news. Mas, elas estão aí e se espalham rapidamente, sobretudo em períodos como o atual – vésperas de eleições. Mas, você sabe o que são as tais fake news e por que elas são tão compartilhadas nas redes? Este é o tema do primeiro de seis vídeos que serão divulgados nas redes sociais ao longo do mês de outubro, numa campanha do Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rios (ITS Rio) em parceria com o projeto Redes Cordiais.

O primeiro dos vídeos já está no ar e foi gravado pela atriz, cantora e compositora Manu Gavassi, que participou da última edição do Big Brother Brasil. No vídeo, Manu fala sobre o que é a desinformação, como identificar uma notícia falsa, além de explicar o papel do jornalismo na sociedade e apontar ferramentas eficientes contra o discurso violento nas redes sociais.

 

Os próximos vídeos contarão com a participação de personalidades como Zeca Camargo, Camila Pitanga, Rodrigo França, Bianca Comparato e René Silva. Eles serão postados nas redes do ITS Rio (@itsriodejaneiro) e do projeto Redes Cordiais (@redescordiais). Para acompanhar a campanha, basta ficar de olho nas hashtags #VerifiqueAntesdeVotar e #MaisDiálogoNasRedes, no Instagram, que também apoia a iniciativa.
A campanha conta com o apoio do Comprova, um projeto de verificação colaborativo contra a desinformação nas redes, coordenado pela Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji), com apoio do Facebok e do Google News Initiative. O Comrpova segue as metodologias desenvolvidas pela First Draft, organização internacional que pesquisa desinformação e oferece treinamento para jornalistas que atuam no combate ao fenômeno.
Desde 2019, o CORREIO integra a coalização formada pelo Comprova e, além de atuar nas verificação, republica todo o conteúdo das verificações feitas em conjunto pelos integrantes do projeto. Leia aqui todas as verificações feitas este ano.

Fonte: Correio24horas