Armínio Fraga espera que Guedes desista de nova CPMF

(Bloomberg) — Armínio Fraga, ex-presidente do Banco Central, disse que espera que o ministro da Economia, Paulo Guedes, desista da criação de um novo imposto sobre transações financeiras parecido com a CPMF.“Ele parece inflexível, infelizmente,” disse Fraga, em entrevista por meio de vídeo. “É uma obsessão; do ponto de vista macroeconômico, é um imposto péssimo.”O sócio da empresa de gestão de recursos Gávea Investimentos defende uma ampla reforma tributária, com aumento de impostos, mas não concorda com a criação do imposto sobre transações financeiras, que ele diz ser cumulativo, regressivo e ter “base tributária fraca”, afetando o funcionamento dos mercados, não só financeiros.

“Acima de tudo, é imposto sorrateiro, e eu, como liberal que sou, acho que as pessoas devem saber quando estão pagando em impostos.”

Fonte: InfoMoney