Microsoft supera Google na lista de marcas mais valiosas

A Microsoft ultrapassou o Google e agora está entre as três marcas mais valorizadas do planeta, segundo o ranking divulgado pela consultoria global Interbrand. A classificação traz ainda outras novidades, como a entrada do YouTube (30º lugar) e do Zoom (em 100ª colocação) na lista.A marca Microsoft teve uma valorização de 53% em relação ao ano passado, o que representou um valor de marca agora na casa dos US$166 bilhões. A empresa fundada por Bill Gates passou à frente do Google (1% de queda), que agora ocupa a quarta posição, seguida pela Samsung.  Interbrand/Divulgação O primeiro lugar continua inalterado, com a liderança da Apple (a marca aumentou seu valor em 38%, pulando para US$ 323 bilhões) – é a primeira marca a ultrapassar os US$ 300 bilhões. Em segundo lugar está a Amazon, que fez subir 60% o seu valor de marca (US$ 201 bilhões). Mesmo integrando o Top 10, Samsung, Coca-Cola, Toyota, Mercedes-Benz, McDonald’s e Disney (com exceção da primeira) viram suas marcas se desvalorizarem.Queda triplaO Facebook, pelo terceiro ano consecutivo, amargou a desvalorização da marca: 12%, valendo US$ 35,2 bilhões. Mesmo assim, subiu uma colocação, ocupando agora o 13º lugar no ranking. O Instagram (controlado pela empresa de Mark Zuckerberg), por sua vez, fez bonito e passou a integrar o ranking da Interbrand, ocupando o 19º lugar, com um valor de marca de US$ 26,1 bilhões.  Interbrand/Divulgação Em tempos de pandemia, empresas de tecnologia e de mídia estão entre as dez marcas que mais cresceram, como Amazon e Microsoft, seguidos por Spotify (70º lugar, alta de 52%), Netflix (41º, alta de 41%) e Adobe (27º, alta de 41%).As marcas e plataformas de tecnologia representam agora 48% do valor total do ranking, contra apenas 17% em 2010; somente as três principais marcas (todas de tecnologia) contribuem com 30% do valor da lista inteira, contra apenas 16% há uma década.

Fonte: Tecmundo