4.5 C
Munique

O Marketing para a Copa do Catar – As limitações da FIFA.

Leitura obrigatória

Entenda como funcionam as limitações de marketing aplicados com relação à Copa do Mundo e como as empresas respondem a elas.

A Copa do Mundo no Catar está muito próxima de acontecer e, com toda a certeza, este será o maior evento esportivo do ano, reunindo todos os melhores jogadores de futebol do mundo e mobilizando bilhões de pessoas em todo o mundo que pararão o que estão fazendo para acompanhar as partidas.

Enquanto a grande maioria está pensando em todas as partidas de alto nível que assistirão, muitas empresas estão de olhos abertos para toda a visibilidade e influência que uma Copa do Mundo possui. Afinal, são bilhões de pessoas acompanhando os jogos, pessoas que podem se, tanto apostadores que fazem os seus palpites copa do mundo, quanto consumidores de diferentes produtos e serviços.

Ou seja, é a oportunidade perfeita para divulgar o seu produto e/ou serviço, se associando a este evento esportivo gigantesco. Porém, para que isso aconteça a FIFA possui algumas regras claras de marketing que devem ser respeitadas, ainda mais se tratando de um evento em escala mundial como é este.

E, neste artigo, nós vamos entender melhor quais são estas limitações e como as empresas podem agir com relação à Copa do Mundo no Catar.

Limitações de Marketing definidos pela FIFA

Por ser uma organização que atua no mundo inteiro, em todos os seus anos de funcionamento, a FIFA desenvolveu uma série de limitações e exigências para a utilização de suas marcas. É claro que isso inclui a Copa do Mundo, já que é o maior evento esportivo de todo o planeta e apresenta sempre números astronômicos em marketing, espectadores entre outros.

Qualquer empresa que queira se associar a esta marca e exibir os símbolos de seleções e/ou da Copa do Mundo em ações publicitárias, deve passar pelo processo de avaliação da FIFA e firmar um contrato aceitando todas as suas exigências e fazendo um repasse de valor astronômico para a entidade esportiva.

Então, apenas aquelas empresas que firmarem um contrato com a entidade esportiva e atender a todos os seus requisitos de marketing, poderá fazer total associação do torneio mundial às suas marcas, mostrando que tanto as seleções, o campeonato e a FIFA são apoiadores e compactuam com esta empresa.

Como as empresas podem agir com relação à Copa do Mundo no Catar?

É claro que, nem todas as empresas, independentemente do seu tamanho e poder aquisitivo, poderão ser patrocinadores oficiais da Copa do Mundo firmando um contrato com a FIFA dentro dos padrões exigidos. E, está claro que não se pode utilizar as marcas da Copa do Mundo em campanhas publicitárias diretamente na tentativa de se associar ao torneio, seus jogadores, seleções e a própria FIFA.

Se o fizerem, correm o risco de serem processadas pela entidade esportiva e acabar pagando um valor alto por uso indevido da marca. Então, o melhor que estas empresas podem fazer, é utilizar de artifícios para aproveitar o evento e chamar a atenção de todos os seus espectadores.

Para fazer isso, muitas empresas se referem ao evento de forma indireta, não utilizam símbolos oficiais, mas utilizam as cores e a temática do futebol para que fique subtendido o que querem dizer. Assim, não cabe um processo de uso indevido da marca e ainda podem aproveitar a grande publicidade que o evento mundial pode trazer.

- Advertisement -spot_img

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -spot_img

Último artigo