15.4 C
Munique

10384 Acusado De Assassinar Filho Tem Julgamento Suspenso

Leitura obrigatória



Home › Notícias › Polícia › Acusado de assassinar filho tem julgamento suspenso  
Acusado de assassinar filho tem julgamento suspenso



Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA
Atualizado em 22/10/2014 às 16h06Publicado em 22/10/2014 às 16h05Leandro Povinelli – [email protected]
Decisão ocorreu após impasse entre defesa e Promotoria

*

Por Leandro Povinelli

[email protected]



Acusado de assassinar o filho de seis meses de idade, após arremessá-lo contra o chão durante uma discussão familiar em março de 2011, o metalúrgico Rogério César Sampaio teve o julgamento cancelado no dia 16 de outubro, após um impasse entre a Promotoria e a defesa em relação a um diagnóstico apresentado por uma das partes.



Ocorrido em Campinas, o julgamento começou por volta das 9h e foi encerrado, sem decisão, às 19h. Segundo as informações levantadas pela Tribuna de Indaiá, a defesa trabalha com a tese de que o pai deixou a criança cair acidentalmente. A Promotoria, por sua vez, não descarta pedir a exumação do corpo do bebê para apresentar mais elementos aos jurados. Um novo julgamento deve ser realizado em breve.





O caso



Uma discussão familiar entre marido e mulher resultou na agressão contra um bebê de seis meses, no Jardim Oliveira Camargo. O metalúrgico, Rogério César Sampaio, na época com 32 anos, foi acusado de jogar o próprio filho contra o chão, no final do mês de março de 2011. O bebê foi socorrido ao Hospital Santa Ignês, em Indaiatuba, e depois transferido à Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal do Hospital Madre Theodora, em Campinas, onde ficou internado por 13 dias, vindo a falecer no começo de abril de 2011, não resistindo aos ferimentos.

Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA




Comentários (0)

- Advertisement -spot_img

Mais artigos

- Advertisement -spot_img

Último artigo