17.7 C
Munique

10747 Rodizio Esta Descartado Ate Marco

Leitura obrigatória



Home › Notícias › Cidade › Rodízio está descartado até março  
Rodízio está descartado até março



Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA
Atualizado em 26/01/2015 às 09h31Publicado em 26/01/2015 às 09h28Mariana Corrér – [email protected]
Saae garante abastecimento de água por 40 dias sem chuvas
Eduardo Turati

*

Mariana Corrér

[email protected]



As chuvas da última semana conseguiram melhorar o volume dos mananciais de Indaiatuba. Ainda que comprometidos, os rios da cidade garantem o abastecimento de água local por pelo menos 40 dias sem chuva.



A informação é do Serviço Autônomo de Água e Esgotos (Saae), que tem condições de fornecer água normalmente ao município pelo período de 40 a 50 dias sem qualquer precipitação, desde que o consumo não seja elevado.



Para isso, é importante que a população continue economizando e evite qualquer desperdício. Em comparação a janeiro de 2014 e a dezembro do mesmo ano, o consumo subiu 2,5% nos primeiros 20 dias de 2015. Em janeiro do ano passado, o consumo subiu quase 10%, o que para o Saae, mostra que as campanhas de conscientização têm surtido efeito.



A expectativa é que a partir de fevereiro o consumo possa ser reduzido, como informa a autarquia por meio de sua assessoria de comunicação, pois acaba o período de férias.



As chuvas da última semana, ainda de acordo com a assessoria de comunicação do Saae, apenas não ajudaram o Ribeirão Piraí, que continua com nível baixo. Em sua região, choveu 16 mm na terça-feira, dia 20, de acordo com o pluviômetro instalado no local, mas a chuva não atingiu o rio. Sua captação não é mais contínua, sendo realizada apenas quando o nível do Piraí melhora.



O Rio Jundiaí, por sua vez, está bastante volumoso, compensando a escassez do Piraí e auxiliando o abastecimento da Zona Sul. O bom nível do manancial se deve principalmente às chuvas que caíram em sua cabeceira, o que colabora também para que a qualidade da água aumente e facilite seu tratamento.



O Rio Capivari-Mirim foi o mais beneficiado com as precipitações da semana. Na terça-feira, choveu 73 mm no local, o que ajudou com o aumento de seu volume, que estava comprometido, e também na pré-represa da barragem que está sendo construído. A pré-represa está mais cheia e possibilita regularidade no fornecimento da Zona Norte.

Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA




Comentários (0)

- Advertisement -spot_img

Mais artigos

- Advertisement -spot_img

Último artigo