18.6 C
Munique

10765 Consumo De Agua Cai 10 Em Janeiro

Leitura obrigatória



Home › Notícias › Cidade › Consumo de água cai 10% em janeiro  
Consumo de água cai 10% em janeiro



Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA
Publicado em 03/02/2015 às 10h51Mariana Corrér – [email protected]
No mesmo período do ano passado, houve aumento de 10%
Giuliano Miranda – DCS/SSAE

*

Mariana Corrér

[email protected]



O consumo de água caiu 10% em janeiro. O total é comparado ao mesmo mês do ano passado. Até a segunda semana deste ano, o valor tinha aumentado 2,5% na mesma comparação.

O Serviço Autônomo de Água e Esgotos (Saae) comemora o feito, que foi alcançado mesmo com o forte calor registrado nos primeiros dias de 2015. Em 2014, o consumo chegou a crescer quase 10% no início do ano.



Embora o consumo esteja caindo, ainda não é o ideal e, por isso, a autarquia pede que a população continue economizando. A intenção é que a redução seja de 35% e, por enquanto, a economia atingiu uma média de 26%.



Desde o ano passado, há fiscalização contra o desperdício, mas o foco maior do Saae é incentivar o uso consciente da água, estimulando a população a evitar lavar calçadas e veículos com esguicho, reutilizar água da máquina de lavar, tomar banhos demorados, entre várias outras formas de economizar água.



Escolas

O consumo de água nas escolas municipais também foi reduzido. Nos últimos dez meses, caiu em 27%, graças ao Programa Educa Água. O projeto é fruto de parceria do Saae e Secretaria Estadual de Recursos Hídricos, com financiamento do Banco Mundial.



Ele foi lançado em março do ano passado e contempla todas as unidades escolares com atividades de educação ambiental por meio de apresentação de peça teatral, palestras, distribuição de cartilha e camisetas para que haja mudança de hábitos quanto ao desperdício de água, na escola e nas residências dos participantes.



Essas ações visam minimizar os problemas com a escassez, aumentando a vida útil dos mananciais, reduzindo o volume de água a ser captada e tratada. Também foram feitas manutenções nos equipamentos hidráulicos das escolas de modo a desperdiçarem água.

Na segunda-feira, dia 26, uma equipe do Banco Mundial e da Secretaria de Recursos Hídricos inspecionou oito escolas que fazem parte do programa.



Os representantes vistoriaram as escolas e ficaram satisfeitos com os resultados obtidos até o momento.



Reágua

O Governo do Estado, através do Programa Estadual de Apoio à Recuperação de Águas (Reágua), repassou ao Saae R$ 3,9 milhões a fundo perdido. O montante se refere à conclusão das primeiras etapas de dois empreendimentos que estão em execução – os sistemas de Coleta e Afastamento de Esgoto da Região Norte e da sub-bacia do Córrego Buruzinho.



Na Zona Norte, 2.265 imóveis serão beneficiados em 20 bairros. O valor total do investimento é de R$ 8,3 milhões. Na sub-bacia do Buruzinho está sendo construído um interceptor de esgotos de oito quilômetros de extensão que foi iniciado próximo à avenida da John Deere e segue em direção ao Jardim Paradiso. O projeto ainda inclui uma Estação Elevatória que transportará o esgoto coletado até a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Mario Araldo Candello. O valor total do investimento é de R$ 7 milhões.

Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA




Comentários (0)

- Advertisement -spot_img

Mais artigos

- Advertisement -spot_img

Último artigo