22.2 C
Munich

10554 Silvia Em Revista 6 De Dezembro De 2014

Must read



Home › Notícias › Silvia em Revista › Sílvia em Revista – 6 de dezembro de 2014  
Sílvia em Revista – 6 de dezembro de 2014



Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA
Atualizado em 08/12/2014 às 15h06Publicado em 08/12/2014 às 15h01Silvia Bolívar – [email protected]
Sílvia Bolívar

[email protected]



Cargos loteados

Quanta roubalheira! E não é de agora, sempre se roubou no Brasil. Fica fácil entender a razão das coligações partidárias que fazem parte de um governo. No caso atual, o PT cedeu ministérios e cargos em estatais. O preço está sendo revelado agora, escandalizando geral.

Mas sempre se roubou no País, principalmente na época da Ditadura Militar. Só que nesse período os jornais eram censurados e pouca gente ficou sabendo das roubalheiras nas grandes obras como a Usina de Itaipu e a ponte Rio-Niterói, entre muitas outras. O sistema de desvio de verbas era exatamente o mesmo que o atual.

Como se conformar com isso quando vemos hospitais federais à míngua, com aparelhos quebrados, leitos nos corredores, com falta de esparadrapo e seringas. Escolas sem teto e sem carteiras. Esgotos a céu aberto. E as contas em paraísos fiscais lotadas de milhões de reais desviados do povo brasileiro. É revoltante.



Meta fiscal

Maquiagem do governo federal tenta alterar o rombo nas contas públicas. Há gastos demais bancados pela União. Muitos, desnecessários. Não é o PAC ou o Bolsa Família, são gastos com o Congresso, com magistrados, com obras superfaturadas, etc.

O que Dilma tenta fazer é alterar a meta do superávit fiscal. Isso, por enquanto, é crime. Vai contra a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). A menos que o Congresso “autorize”. É indecente o Executivo “pagar” o voto favorável distribuindo dinheiro para emendas dos parlamentares. Esse é o Brasil.



Bazar do Volacc

Imperdível. Acontece nos dias 12 e 13 deste mês, a partir das 9 horas, o tradicional Bazar de Natal promovido pelo Volacc. O evento será na sede da entidade, à Rua 24 de Maio, 1.350. Informações: 3875-4544.



Vamos desenhar

Durante o mês de Janeiro estarão abertas as inscrições para a Oficina de Desenho (Fundação Pró-Memória) ministrada pelo cartunista Moacir Torres (Turma do Gabi) no Casarão Pau Preto. Podem se inscrever crianças e jovens de 9 a 13 anos. Mais informações no Casarão ou pelo fone: 3875-8383.



Calendários

Continuo com a campanha “Doe um calendário para a Silvia”. Em cada cômodo da casa tenho um. Todos doados por empresas. Quem quiser me dar um, me avise. Agradeço.



Preços variam

Há produtos cujos preços são mais ou menos o mesmo nos supermercados. Mas outros variam bastante. O ideal é pesquisar. Mesmo os sabões de lavar roupa, com preços relativamente parecidos, podem ter boa promoção em algum supermercado.

Os preços de quase todos os produtos estão bem mais altos. A inflação está mostrando as garras. Não é como antes, quando os aumentos eram absurdos, mas se nota aqui e ali o aumento geral.



Bicicletas infernais

Nem todo mundo que dirige uma bicicleta motorizada é barbeiro, mas muitos garotos estão barbarizando no trânsito. Claramente menores de idade, andam na contramão nas ruas e adoram assustar motoristas de carros. Parece assalto, mas é só uma brincadeira sem graça. Outro dia três deles estavam na Avenida Kennedy, na contramão, dando finas nos carros. E morriam de rir dos motoristas.


Animais albinos

Você sabia que nem todos os animais branquinhos são albinos de verdade? Conheço cães da raça boxer brancos e focinho rosa, mas os olhos são castanhos. Eles são albinóides. Foi o que aprendi entrevistando a professora de genética básica animal Carolina Soares Soeiro e a coordenadora do curso de medicina veterinária Maria Fernanda Vianna Marvulo, da Max Planck. A entrevista sairá na edição de terça desta Tribuna. Na foto, Carolina e Maria Fernanda.



Vacinação contra a raiva

Há baixa procura pelas vacinas, o que é estranho: ela é gratuita e salva a vida dos animais e das pessoas que convivem com eles. Até agora só 3.434 animais (cães e gatos) foram vacinados. A meta é chegar pelo menos a 15 mil. A raiva não é brincadeira e ronda a RMC. Recentemente uma gata foi morta pela doença em Campinas.

A campanha continua até o dia 13, sendo que no Hospital Veterinário da Faculdade Max Planck (Rodovia João Ceccon) a vacinação vai até o dia 15 de dezembro, durante a semana, das 9h às 19 horas.

Confira os locais da campanha de vacinação nesta Tribuna ou no site da Prefeitura de Indaiatuba. Não deixe de vacinar seus amiguinhos.



Medicina Veterinária

Este ano aconteceu a formatura da primeira turma de alunos da Faculdade de Medicina Veterinária da Max Planck. A procura por vaga é grande e em 2015 já são 120 alunos começando o ano letivo. O diferencial da Max Planck é que as aulas práticas já começam desde o primeiro dia. Com o Hospital Veterinário o ganho é enorme na qualidade. A faculdade é considerada uma das melhores do Brasil.



Cãominhada de Natal

A Upar promove hoje, das 9 às 11 horas, mais uma caminhada com os animais que moram no abrigo e aguardam adoção. A ideia é que as pessoas voluntárias peguem um dos animais do abrigo (levar coleira e guia) e vá até o Chafariz, no Parque Ecológico levando um cachorro para a passeata, que será curta e na sombra. “Será um momento de UNIÃO, AMOR e CARINHO para com os peludos que moram no nosso abrigo. Eles merecem de presente de Natal, dar um big passeio fora do sítio”, diz a Upar.



Feriadões

Ano que vem muita gente vai poder aproveitar. Serão muitos os feriadões. Alguns na segunda e outros na sexta.

O comércio, a indústria e o setor de serviços não gostam de tantos feriados. Mas os trabalhadores desses setores adoram.


EDUARDO TURATI

Parabéns!

O ótimo fotógrafo Paulo José comemorou seu aniversário com festa na Tribuna. Estava tudo perfeito, com salgadinhos da Casa da Esfiha e bolo e docinhos da Padaria Suíça. Paulo José é colega antigo, esta escriba trabalhou com ele por muitos anos. É um fotógrafo sensível e que capta bem as pautas jornalísticas. Manoel Miranda recebe pedaço de bolo.



Mandela Day

A ONG Gabriel realiza o 2º Mandela Day neste sábado e domingo, das 10 às 18 horas no Casarão Cultural Pau Preto de Indaiatuba, Rua Pedro Gonçalves, no 477. O intuito do evento é unir a população em torno da Cultura de Paz e Não Violência.

Além de feira de artesanato, brincadeiras e aferição de pressão arterial, o evento trará para a cidade a primeira Feira Grátis da Gratidão, com exposição e troca de bens tangíveis (livros, brinquedos e roupas) e não tangíveis (terapias holísticas, declamação de poesias). O encerramento será no domingo com a apresentação de bandas, em especial a Banda Mayo que apresentará um arranjo inédito da música Mandela Day, eternizada pelo grupo escocês Simple Minds (aquela do “uhuhuuu Mandela Day”).



Estupro de criança

Como um homem pode ter ideias libidinosas com uma criança de 5 anos? O caso recente em Indaiatuba mostra que esse crime pode estar ao lado. É um horror, a vida dessa criança não será a mesma, o trauma vai estar na psique dela.

O problema é que isso acontece no Brasil todo, no mundo. Os pedófilos não hesitam em torturar criancinhas, muitas delas ainda bebês. Prisão perpétua é pouco.



Fotos em livro – IHESS

Estudantes da Terceira Idade que participaram da Oficina de Fotojornalismo promovida pelo Instituto Henrique da Silva Semente – IHESS, lançam hoje, às 8h30, no Shopping Jaraguá Indaiatuba, o livro”Indaiá: a cidade e suas imagens”. A obra reúne mais de 100 fotos tomadas na cidade de Indaiatuba pelos 16 autores, oficineiros da instituição, que farão sessão de autógrafos durante o evento.

A publicação faz parte das comemorações dos 15 anos do IHESS e pretende, além de valorizar o trabalho dos fotojornalistas, mostrar aspectos do cotidiano de Indaiatuba.

Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA




Comentários (0)

- Advertisement -spot_img

More articles

- Advertisement -spot_img

Latest article