-1.8 C
Munique

10754 Paralisacao De Motoristas Afeta Linhas De Indaiatuba

Leitura obrigatória



Home › Notícias › Cidade › Paralisação de motoristas afeta linhas de Indaiatuba  
Paralisação de motoristas afeta linhas de Indaiatuba



Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA
Publicado em 28/01/2015 às 10h11Mariana Corrér – [email protected]
Problema aconteceu no sábado por atraso no pagamento e foi resolvido no mesmo dia
Paulo José

*

Mariana Corrér

[email protected]



Usuários do transporte público intermunicipal ficaram sem linhas de ônibus no sábado, dia 24, devido a uma paralisação dos motoristas e cobradores da VB Transportes. O problema afetou linhas de Indaiatuba, Salto, Jundiaí e Campinas, segundo o primeiro secretário e representante de Indaiatuba no Sindicato dos Rodoviários de Campinas e Região, Claudemir Aparecido dos Santos.

A paralisação foi iniciada por volta das 11h30 e perdurou até as 15h20, quando os trabalhadores envolvidos voltaram para os postos de serviço.



No total, foram 13 motoristas e 13 cobradores que aderiram ao movimento. Santos explica que a manifestação se deu por atraso no pagamento do adiantamento que os funcionários da empresa recebem todo dia 20. “Por conta do 13º, ficou acordado que o vale não seria pago no dia 20, mas sim no dia 24”, lembra. “No dia 22, algumas pessoas já queriam paralisar, mas pedimos que aguentassem até sábado de manhã”, acrescenta, justificando que o pagamento ainda não havia caído por volta das 11h. “Foi então que recomendamos a paralisação”, completa.



O movimento perdurou por cerca de quatro horas e não afetou a linha que liga Indaiatuba a São Paulo, mas segurou os carros que levam a Salto, Jundiaí e Campinas.



Uma usuária que não se identificou revela que as filas na plataforma de Campinas estavam enormes e que os passageiros ficaram sabendo da paralisação apenas após a ligação de uma das pessoas que aguardava na fila à empresa. “Estava demorando muito e então ela ligou para a VB, que informou sobre a greve”, conta.



Como solução, eles foram orientados a pegar outro ônibus, que leva a Itu, e descer na estrada, pois o carro não entra em Indaiatuba. Ela deveria ter saído às 13h18, mas não houve linha. “O próximo era às 13h40, mas também não saiu e fomos embarcar somente às 14h50”, diz.

Normalização



As saídas foram normalizadas ainda no sábado, após o acerto com a empresa, de acordo com o sindicalista. Em contato com a VB, a reportagem foi direcionada à assessoria de imprensa da Associação das Empresas de Transporte Urbano de Campinas (Transurc), que confirmou a paralisação, mas não tem mais detalhes por cuidar apenas das linhas de Campinas. O atendimento do guichê da VB Transportes na Rodoviária de Indaiatuba afirmou desconhecer o problema.

Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA




Comentários (0)

- Advertisement -spot_img

Mais artigos

- Advertisement -spot_img

Último artigo