15.4 C
Munique

8037 Em Pauta Dia 6 De Junho

Leitura obrigatória



Home › Notícias › Em Pauta › Em Pauta – Dia 6 de Junho  
Em Pauta – Dia 6 de Junho



Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA
Publicado em 08/07/2013 às 10h21Mariana Corrér – [email protected]
Recesso

As sessões de Câmara já foram interrompidas para o recesso de julho. A próxima sessão ordinária será no dia 5 de agosto, quando acontece o 19º encontro do ano. Vários projetos ficaram pendentes na última sessão. Um dos projetos que não foi votado e que deve ser aprovado antes da volta do recesso é o que aprova as alterações do Plano Diretor. Uma sessão extraordinária foi marcada para que os 12 vereadores aprovem a proposta. Ela acontece dia 15, provavelmente às 10 horas. Na segunda e terça-feira, dias 8 e 9, a Câmara fica fechada por conta do feriado de terça, que comemora o Dia da Revolução Constitucionalista de 1932.



Audiência

Para posterior aprovação do projeto, os vereadores realizaram ontem, dia 5, no Plenário Joab José Puccinelli, uma audiência pública para discutir e obter subsídios adicionais para os projetos que dão nova redação ao Plano Diretor. A expansão do perímetro urbano previsto no Plano Diretor será destinada à criação de uma Zona Especial de Interesse Social (Zeis), próxima ao Jardim Paulista, para a implantação de Programas Habitacionais de Interesse Social.



UPA

O prefeito Reinaldo Nogueira (PMDB) aproveitou o evento de lamçamento da pedra fundamental da barragem do Rio Capivari-Mirim, na manhã de quarta-feira, dia 3, para avisar que a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Jardim Morada do Sol está quase pronta para inauguração. Segundo ele, estão chegando os últimos equipamentos. Lembrando que o secretário da Saúde, José Roberto Stefani, deu à coluna a previsão de que a inauguração seria em meados de agosto.



Comprometimento
Ana Polastri

O chefe do Executivo também usou o ensejo para dar uma resposta àqueles que desacreditaram da barragem. Segundo ele, desde 1992, quando ainda era vereador, “nunca deixou de fazer nada com o que havia se comprometido”.


Cobrança

Ainda em seu discurso no evento de quarta-feira, Rei-naldo pediu que a população e a imprensa façamos nosso trabalho de fiscalização e cobrança dos políticos para que o trabalho seja cumprido da forma mais correta possível. “Se nós nos comprometemos a assumir uma cidade dessas, não podemos nos curvar às pessoas”, disse.



Jurídicos

Continuando, em meio a primeira CPI que enfrenta em seus quatro mandatos, o prefeito enfatizou que “não tem problemas jurídicos”. “Sempre aparece alguma coisa ou outra, mas passa. O tempo sempre mostra quem está certo”, ponderou durante o discurso.



SSPMI

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Indaiatuba (SSPMI) teve ontem uma reunião com o presidente da Câmara, Luiz Alberto Pereira, o Cebolinha (PMDB), para tornar de conhecimento do Legislativo possíveis descumprimentos do acordo firmado após a greve das monitoras de creche. A paralisação foi encerrada dia 25 de abril e cinco pontos principais foram acordados entre Sindicato e Administração, com apoio dos vereadores.



Reunião

A presidente do sindicato, Jaciara Lages Dutra, tem outra reunião agendada para quarta-feira, dia 10, desta vez com a administração municipal. Quem convocou o encontro, segundo ela, foi o secretário municipal da Administração, Núncio Lobo Costa. Em seguida, ela se reunirá com as monitoras para debater o direcionamento dado na Prefeitura. Um protesto ou mesmo outra paralisação não estão descartados caso os pontos acordados não sejam imediatamente cumpridos.

Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA




Comentários (0)

- Advertisement -spot_img

Mais artigos

- Advertisement -spot_img

Último artigo